quinta-feira, setembro 08, 2011

Pedras e Conchas


Um dia saberei a linguagem silenciosa
das pedras e das conchas milenares.


Os segredos do MAR.


Um dia entrelaçarei pérolas e algas
e saberei os gestos suaves das sereias.

4 comentários:

João P. disse...

Clotilde:

Não sabia que tinhas "regressado". Que bom!

Beijo

João P.

Vieira Calado disse...

Bonito e aparentemente simples,
o poema

e a imagem também!


Bjsss

igor alex disse...

Visita meu blog ^^ http://thisismylife-igor.blogspot.com/

Muito bom seu blog ^^

sandrafofinha disse...

Dantes em tempos antigos quando eu era criança coleccionava esse tipo de pedras e conchas do mar mas neste momento já deitei tudo fora,pois achei que isso já não tinha a beleza de antes. mas permanecem as boas recordações em que eu ia a praia com a minha melhor amiga e traziamos de lá muitos bons momentos e muita alegria. Resta-me a esperança agora de um dia e uma vez que o pai dessa tal amiga morreu resta-me a esperança de um dia poder voltar a visitar essa magnifica praia da vieira e desta vez na companhia do meu namorado. Espero um dia poder mostrar ao meu namorado o quanto eu fui feliz naqueles três anos em que fui para a praia da vieira com a carmen luisa. belas recordações eu guardo do pai desta amiga maravilhosa.