terça-feira, julho 21, 2009

Dia Azul


foto Clotilde S.

Sem telas, sem tintas, sem aguarelas,

pintamos este dia com a cor do céu

e o seu reflexo sobre as águas.



autor desconhecido

Sem lápis, sem canetas, sem papel,

escrevemos este dia na orla do sonho

e assim compomos a nostalgia.


10 comentários:

Eduardo Aleixo disse...

Tão lindo o vosso dia azul! Não há como o azul do céu. E do mar. Sempte amei o mar por causa do azul. Sempre amei o azul por causa do mar. Não posso viver sem o azul, sem o mar e sem o céu. Nunca me fez confusão o mar e o azul e o ceu sem pinceis e sem aguarelas. Pensava que dominava esta arte do do ceu e do mar. Vejo agora que estamos sempre a aprender. Então não é que a esta hora da noite, em que me ia deitar, aprendo que não é noite, é dia, e dia azul, e tudo é perfeito no meu leito, em que os lençois passam de branco a azul, não é noite, é dia azul, sono do céu!

Paula Raposo disse...

Assim mesmo...gostei de te ler tão azul! Beijos

Meri Pellens disse...

O azul é a cor da felicidade!
No dia do meu casamento houve uma feliz coincidência; a maioria dos convidados (não eram muitos) vestia algo de azul! E eu que adoro ver sinais em tudo, senti-me especialmente abençoada.
Bj, amiga.

Joao P. disse...

Clotilde:

Azul, mar, sal,

Belo Clotilde!


bjs
João

Ailime disse...

Lindo poema construído em tons de azul suave, tornando a "nostalgia" mais esbatida.
Um bj.

Clotilde S. disse...

Obrigada amigo Eduardo, por este belo comentário.Tens a graça de fazer poesia assim, com esta facilidade que me espanta.

Um abraço

Clo

Clotilde S. disse...

Paula,

beijinhos azuis para ti e obrigada.

Clo

Clotilde S. disse...

Sabes, Meri, também tenho a mania de ver sinais em tudo.

Há coisas que me surpreendem e acredito que de facto não há coincidências.

Um Verão muito Azul para ti!

Beijos,

Clo

Clotilde S. disse...

João,

Azul, céu e mar. Como a tua gaivota.

beijinhos amigo,

Clo

Clotilde S. disse...

Ailime,

Fico muito eliz sempre que te vejo por aqui, com a serenidade das tuas palavras.

Um abraço longo, amiga.

Clo